Escrito na parede

Mesmo quando nos calam, há-de haver uma parede que fala.

10 fevereiro 2009

Bragança, 2009

2 comments:

tinta disse...

mais correcto seria:

Se a merda valesse dinheiro
ao pobre tiravam-lhe o cu à nascença

Marcinha disse...

queria te conhecer.

Enviar um comentário

A minha foto
Uma vaca à procura do universo

Seguidores